SAIBA MAIS

Página Inicial / Saiba Mais

Vistoria automotiva para transferência de veículos

A transferência de veículos pode acontecer de duas formas: a primeira é quando acontece a transferência de propriedade e a segunda quando ocorre a mudança de estado ou município. De acordo com o CTB (Código de Trânsito Brasileiro), em ambos os casos, exige um novo CRV (Certificado de Registro de Veículo). Para a expedição deste documento são necessários diversos procedimentos, entre eles está a vistoria automotiva.

 

A vistoria automotiva para transferência de veículos leva em consideração uma série de elementos para identificar adulterações e fraudes. Entre os itens vistoriados podemos citar: 

  •   •  Chassi
  •   •  Motor
  •   •  Vidros
  •   •  Placas, Tarjetas e Lacre
  •   •  Suspensão
  •   •  Etiquetas de identificação
  •   •  Sistema elétrico (faróis, luz alta, baixa, ré, freio, stop, placa, interna)
  •   •  Pneus
  •   •  Longarinas
  •   •  Painel dash
  •   •  CRV/CRLV

 

A vistoria automotiva para transferência deve ser feita sempre que o veículo mudar de dono. O novo proprietário do carro tem até 30 dias para fazer os procedimentos necessários para a transferência do veículo e regularização dos documentos.

 

Vale lembrar que a vistoria automotiva para transferência de veículos deve ser feita em uma ECV (Empresa Credenciada de Vistorias) para que o laudo de vistoria veicular seja validado pelo Detran. A Top – Vistorias Automotivas tem esta certificação e oferece um serviço de qualidade para que você tenha toda a segurança. Cabe destacar que o laudo expedido pela Top tem validade estadual e por isso, a inspeção do carro não precisa ser feita no mesmo município em que o carro será registrado.

 

Além de ser uma exigência do Detran, a vistoria de veículos também pode ser considerada como uma segurança a mais para o comprador que terá a garantia de estar adquirindo um carro livre de fraudes. Neste caso, ela é feita antes da compra e é outro tipo de avaliação, chamada de vistoria cautelar. Neste caso, o objetivo é inspecionar o estado estrutural do veículo, aspectos de originalidade, possíveis adulterações e possíveis restrições do carro.